22 dezembro 2005

Pessoa Ambígua

sou
bom, boa
mau, má

Te amo tanto que chego a te odiar
Te odeio tanto que em ti só faço pensar

Se odeio que me julguem é porque amo julgar
Entendo tudo, mas na hora de viver só me confundo

Fácil viver
Difícil explicar

30 comentários:

euzinha disse...

Don´t be so hard at yourself honey!

love ya

Danielle Ribeiro disse...

Hei baby, não falo só de mim aqui ... se vc entrar ai .. vai ver vc também ... hehehehe .... ;-) ... beijos

Dora W disse...

bonito.. contraditório.. vc..

Boas Festas procê moça!
Vc vai pronde?

ANa disse...

eu nao estava falando sobre vc...
ou só sobre vc... ou só sobre mim... ou só sobre os outros...

Flordalma disse...

eu vivo isso todo o dia

Claudio Gazolla disse...

I miss you!

Beijão!

ariadne disse...

Estou me vendo, sua danada...

:-)

beijo, bom natal

Anônimo disse...

pois é, tanta particularidade e eu me meto pra dizer "cara, eu também sou assim".
;)
bj, Pérola - lixoepurpurina.blogger.com.br

Cecília disse...

Tenha um Feliz Natal e que todos os seus desejos se tornem realidade não só nesta data, como no próximo ano que se aproxima!!!

Boas Festas! :)

Ana disse...

Well Well... Tenho vindo aqui com frequencia... lido e re-lido esse post e esperando as reações que são, geralmente, provocadas por suas palavras e sua forma tão única, clara e visceral de ver o mundo, a vida, as pessoas e os sentimentos..
É estranho... passada a TPM que estava a me consumir nos últimos dias... resta somente a mesma sensação de que "SOCORRO EU NÂO ESTOU SENTINDO NADA"
Será que um dia isso passa???
Acho que não amo a ponto de odiar e tampouco "odeio tanto que em ti só faço pensar"

Obviamente, já selecionei a frase predileta do post...
"Facil Viver, Dificil Explicar".. Só preciso entender se vc dizia que era fácil viver essas sensações.. ou se vc considera fácil viver de uma forma geral (duvido um pouco ate pq vc não é assim generalista..rs"

A gente conversa sobre isso..

Amo-te!
bjo-bjo

odeio a lua disse...

Pois é... essas máximas também me inquietam, principalmente sobre o amor, acho que isso também significa que eu odeio a lua...

odeio a lua disse...

sim, estou com saudades. Desculpe se sumi, o natal requer,rs. Passado o drama, vamos às cervejas!

Ana disse...

eu de novo..rs
Recebi de um amigo.. achei legal...
Sei la.. eu tenho mania com símbologias ne??
Nesse texto identifiquei muitos dos simbolos das nossas conversas..rs.. Conversemos?


"Seja Paciente

Quero lhe implorar
Para que seja paciente
Com tudo o que não está resolvido em seu coração e tente amar.
As perguntas são como quartos trancados e como livros escritos em língua estrangeira.
Não procure respostas que não podem ser dadas porque não seria capaz de vivê-las. E a questão é viver tudo. Viva as perguntas agora.
Talvez assim, gradualmente, você sem perceber, viverá a resposta num dia distante.
(Rainer Maria Rilke)


Ou então, to ficando mais louca do que parece..
bjo

Danielle Ribeiro disse...

Ana, my dear, quase não gritei de ódio do amor neste natal. Uma pobre amiga minha que sofre do mesmo mal, tem tido dores físicas por causa dele ... vê se pode :-/ ... sim, sou mais de atacar o próprio amor que a pessoa amada, vc sabe ... but, é fato que qualquer deslize da pessoa nos causa uma inquietude tempestiva .. vc sabe disso também ;-) ... o difícil explicar vem disso daí ... creio não ser possível dizer o que se é ... assim, generalizando ... cada hora somos de tal maneira dependendo DAS CIRCUNSTÂNCIAS ... elas ... sempre elas ... ai vamos parar naquela questão da essência, lembra?
Gostei de ver que muitos se identificaram com isso daqui .. me sinto menos complexa agora ... hehehehe ... ;-) ... beijos

Aline disse...

Além de pertencer a business pobre, ser obrigada a conviver com espécies-sanguessuga e um computador que funciona com a mesma periodicidade do ciclo mesntrual de uma prostituta, não sou mais convidada para chat-via-comment.
Só me resta Florípedes.
=/

Marcos disse...

"Fácil viver, difícil explicar", resume tudo.

Valéria disse...

eu tenho mania de explicação..ou tinha...sei lá... de repente sumiu e eu não soube como explicar...
um beijo

Madame disse...

Querida, gostei muito de tudo por aqui, vou voltar sempre, beijos de mim

Madame disse...

Estou fazendo a manutenção, de férias mas não muito, por isso, mudei algumas coisas e já instalei uma porta nova da casa de madame para sua, para não te perder de vista...beijos de mim, e ótimo final de ano...

odeio a lua disse...

então, eu postei, mas acho que vou precisar da sua ajuda mais do que você imagina... estou pensando em te dar as senhas do meu blog, rs...

ahn... tem saudade do Carlos? então vai lá.

Quem mais? disse...

Querida...
Ja não to achando nada fácil viver... explicar entao.. hahaha.. tornou-se impossível...
Mas, acho que eu concordo que cada hora somos de uma maneira... dependendo das circunstâncias...
No atual momento as circunstâncias me fazem ser uma pessoa que, agindo em total harmonia com seu cérebro reptliano, está quase que inteiramente dominada por instintos assassinos e que tem uma vontade absurdamente incontrolavel de matar, com requintes de crueldade, todos os chatos que me fazem perguntas impossíveis de responder... QUE COISA MAIS CHATA!!!

Ahh há também um quê de ativação do sistema límbico... sim, sinto alguma coisa... um certo incomodo nao inteiramente definido por saber que daqui a poucos dias vc nao vai mais estar aqui pra fumar comigo... ninguem mais vai tomar cafezinho after lunch..
Well I think I still feel things...
Escutei um "ei, sou eu! Seu estomago.." do you know what I mean??
Não faça a linha.. vc bem sabe!!
Ai-ai.. acho que eu to com saudade já... Ninguem vai pensar o tempo todo do meu lado..rsrs.. e nem me contar qual a cor da cueca de Platão no dia do seu desencarne..

uhn... acho que fiquei emotiva...

love ya 4ever.
bjo-bjo

ha ha perdi a noção agora disse...

Nossa.. eu já voltei aqui...
acho que as crises de "hiperbolia" voltaram..hehe.. mas ta relacionado a outra coisa que voltou... Acho que estou perdendo a minha capacidade de "não sentir nada".. haha...

Não sei se foi o post ou se foram os papos.. ou se tem a ver com a época do ano.. ou algo que tem na água... mas algumas coisas eu estou a sentir...

Já sinto sua falta... mas isso é ate bom de sentir... pq eu te adoro e é natural que eu sinta falta.. :(

A Outra coisa que senti... essa sim me deixa meio assim perdida.. Fui dar uma volta pelo meu instrumento de pesquisa e resolvi passear numa página interestadual, onde me deparei com um recadinho que me incomodou..:S... E eu cheguei a conclusão de que senti ciúmes... E do ciúmes vieram as dúvidas... Paixão? Cisma? Ciúmes? Posse? insegurança?? Afinal que porra toda é essa??rs.. Será que eu preciso começar a pensar? Ou será que se eu ficar aqui quietinha, isso tudo passa??

Acabo de sentir uma outra coisa agora..rs..
Um desejo íntimo de gritar:
"QUE A JUSTIÇA DIVINA SE ENCARREGUE DO DESENLACE DE UM SER CUJA PROGENITORA TEVE SEU MORAL QUESTIONADO POR TER USADO SUA CARNE EM BENEFICIO DO PRAZER DE OUTREM EM TROCA DE VALORES ÍNFIMOS" ou, simplesmente, " MORRA FILHO DA PUTA"...

Porque que a gente precisa perder as coisas importantes pra poder dar valor??!?!?!?! VOce me explica ou devo apelar pros conhecimentos do Santo Google das mentes inquietas???

Ai.. acho que pirei de vez..rs..
mas nao vou apagar.. toda forma de expressão é valida.. e já é sabido que eu nao tenho nada na cabeça mesmo..rs

bjo-bjo

Ana Paula está séria disse...

Fiquei séria..
Apaga esse monte de sandices! please..rs
bjs

darrelkline93712144 disse...

I read over your blog, and i found it inquisitive, you may find My Blog interesting. My blog is just about my day to day life, as a park ranger. So please Click Here To Read My Blog

Danielle Ribeiro disse...

Sempre achei o meu blog o lugar mais adequado para pirações ... vc sabe que acho isso bonitinho .. acho isso ... digamos assim ... humano ...
Por isso, Ana, my dear, feel free!
Desabe
Desagüe
Morra você
Que da morte renasce
;-)...
And I mean it ... sem pensamentos mágicos ... simplesmente com fatos ...
E não vou apagar seus comments pq não sei fazer isso, se soubesse apagaria o comment desse imbecil que nem sabe português e diz que lê meu blog e acha interessante :-/ ...
Beijos

ana disse...

ai Dani.. acho que vou morrer é de tédio sem vc na empresa.. :(

quem é que vai ficar com cara de susto qdo eu tiver mais um dos meus ataques de "hiperbolia"?? E se essa tal ficar crônica???

amo-te
bjo

Thiago Quintella disse...

E, apesar disso tudo, vivemos à procura da perfeição!

Anônimo disse...

Caralho! pq vc foi embora..
quero fumaaaar.
te amo amiga.. ta fazendo muita falta ja

Flor(ípedes) disse...

Hermenegildaaaaaaaaaa!
Volta, meu!
"No one ever said it would be so hard"
Cadê você?
Não vou te apagar do st. Tenho esperanças de que ele vá ficar verdinho outra vez someday.
Porém não posso ir ao seu andar. Quoting you, "les larmes couvrent l'écran d'ordinateur"
Beijoooooooo

Doutor X disse...

Sim...somos este poço de contrariedades. Podemos ser para um heroi e para outro vilão.
Podemos ajudar atravessar uma velinha na rua e mais adiante pisar em um inseto que rasteja(isso se não for machucar um outro ser humano). No entanto, vejo que e' por meio disso que existem conceitos. O mal so' existe se o bem existir e vice-versa. Um justifica o outro. Um não vive sem o outro. Eles são opostos que se atraem,não pelas caracteristicas mas pela existência ao qual um justifica o outro(e todos os seres humanos tem essa caracteristica de se justificar no outro,seja por influência,seja por opção....as vezes não percebemos e fazemos nossas conseqüências)...

Beijos idem para ti,minha cara.
Suas reflexões tambem me fazem pensar sobremaneira.