22 junho 2005

157 ou 69?

"Mamãe, quero ser atriz pornô!"

Marco Antônio ia diariamente ao trabalho no Estúdio 4 da produtora Loucos de Prazer. Filomena, sua mãe, falecera 7 anos antes de desgosto ao ver o rumo que a vida do filho tomara, estampado nas revistas pornográficas e reproduzida nos VHS's da seção de eróticos.

Cláudia não acreditava no que acabara de ouvir de sua filha Juliana de apenas 15 anos. Colocou-a prontamente de castigo e solicitou a padres que fossem exorcizá-la, a espíritas trabalhá-la e a esotéricos, consultá-la. Além de levá-la toda quarta-feira à terapeuta e às sextas ao psiquiatra.

Juliana mudou de idéia e de país. Tornara-se gueixa no Oriente. Empenhava-se freqüentemente em cursos profissionalizantes e de atualização. Encontrava-se feliz por sentir-se valorizada e respeitada por aqueles aos quais oferecia sua assistência.

Cláudia acreditava que a filha se curara e era uma empreendedora de sucesso e solidária. Viveu até os 86 anos!

Neuza saia de casa todos os domingos para visitar seu filho preso em flagrante por crime de latrocínio. Agora já não mais apanhava do marido, pois este fora morto em uma briga entre torcidas rivais.

3 comentários:

Déia Viana disse...

Oi moça!!!
Tudo bem?
Passei só pra dar um "oi" e dizer que seu blog é muito legal.
Bjos grandes

Mia disse...

Uma das coisas mais legais de acompanhar o blog da Dani é que depois eu tenho a oportunidade de discutir os textos com a própria autora...

Estou começando a pensar em montar um blog conjunto ao teu - no melhor estilo "para entender o texto"... hehehe
Talvez este possa até ser o título. :P

B-jos!

Fabrício Haddad Decker disse...

QUEM É NEUZA???