25 julho 2005

A verdade é que é tudo mentira

Não pude ver o que aconteceu em meu sonho.
Mas me disseram que era tudo lindo.
Não pude ouvir o que me disseram ontem.
Mas me disseram que era coisa de amigo.
Não pude sentir a dor que me acolhera.
Mas me disseram que não havia perigo.
Não pude chorar as lágrimas que caíram.
Pois me disseram que eu estava sorrindo.
Tudo que pude fazer foi acreditar na verdade dos outros.

2 comentários:

Anônimo disse...

Caramba...inspiradíssima para uma segunda-feira, hein !
Bj,
Na

Ana disse...

O que tem nas entrelinhas desse seu texto aparentemente normal???
Tá querendo dizer o que com isso td???
QUal a bizarrice???
bjs