09 maio 2007

Criação da Criatura

A cada palavra proferida pela professora, Pedrinho, o menino, estarrecia-se em espanto ao saber quantas coisas era capaz de inventar o ser-humano: era capaz de inventar o ser humano! A cada descoberta, seguia-se uma criação da criatura. A cada descoberta, um avião, um telescópio, uma bomba, uma bússola! A cada criação um porque voar como os pássaros, um porque ver de perto as estrelas, um atacar para defender-se, um orientar-se na cambulhada caminhada.
A cada criação uma alteração da natureza
Da criatura
Da criação
Uma nova natureza
A cada palavra proferida pela professora, uma nova palavra
Uma descoberta
Uma criação
Da criatura
"O homem inventa coisas para o bem e para o mal", ensinava-lhe a professora
Uma nova descoberta: o bem e o mal. Estarrecia-se em espanto!
Criação da criatura, como a bússola e como a bomba
Alteração da natureza
Pedro, o homem, que voava de avião, olhava para as estrelas, abandonara todos os ensinamentos: idiossincrasias, concluia, sonhava apenas ser feliz.
Queria nutrir-se de Amor ...
Criação da criatura
... e ser livre
Criação da natureza!

8 comentários:

Congelada e Hiperbólica disse...

Isso td pq Pedro (seja o menino ou o homem) não frequentou a terapia.. se nao ele teria ainda que se deparar com o fato que alem de todas as criações da criatura, criaturas da criação ele teria tb de administrar as criações e criaturas fantasmagóricas de seu próprio ser...
Mais uma vez, DURMA-SE com um barulho desses... hehehe...

ahh.. antes q eu me esqueça... Qual o mal que lhe aflige??? Pq um post assim, tão simples de entender...rs.. mesmo que nao se entenda oq vc reamente quis dizer?

love ya

Parabólica pifada ... disse...

é pq Pedrinho, por ser amigo do fantasma camarada, não precisa de terapia ... sofre apenas oscilações rasteiras nas quais se oculpa apenas em analísá-las a intensidade ... se ultrapassar os limites ai ele logo se interna ;-) ...

e também Pedrinho hoje acordou serelepe ;-) .. nem acha nada nem se deu ao direito de dizer nada .. ficou apenas a sonhar ..sonhar ... sonhar ;-)

Ainda Hiperbólica! disse...

Será?
bjs

Hiper-Para-Bólica disse...

sempre é quando vc acredita darling .. o mal só é quando vc acrita nele .. o amor é quando se crê .. e até o corpo não passa de crença ... o problema é que ditam o que deve ou não ser acreditado .. e até os fantasmas de Pedrinho que são sua próprias criações só lhe atormentariam caso ele acreditasse neles ...
Se fizerem Pedrinho acreditar que sonhar é errado, certamente ele irá coibir seus sonhos, pois é impossível não sonhar .. irá ficar mais realista e até mais respeitado ... mas ai de quem quiser convencer Pedrinho de que sonhar é errado .. mostra-lhe a lingua :-P .. seu bobo ... "eu sigo meu caminho", vai dizer ... e Pedrinho vai livre, porém insatisfeito, pois não se adequa aos ensinamentos e não quer viver nesse mundinho enlatado ... E ai de quem fizer Pedrinho acreditar que esse não é o caminho da vida ..ele mostra-lhe a bunda :-P ... e pode enfiar que dai não sobe pra cabeça .. huahuahua

A VERDADE A GENTE INVENTA!!!

eu inventei essa para me sentir melhor ...

beijos flor!! Lov ya!!

a mesma hiperbólica de sempre... disse...

Crenças.. crenças... crenças..
Já parou pra pensar que até mesmo Pedrinho com sua "não aceitação" do senso comum acaba por mostrar-se tão inserido no mesmo qto qq outro que o aceita?

Digo isso pq me passa a impressão de que Pedrinho passa tempo demais se perguntando pq alguem acha que ele nao pode sonhar ao inves de simplesmente sonhar... Sem ter de mostrar a lingua ou a bunda pra quem quer que seja...

De repente se Pedrinho simplesmente seguisse seu caminho sem se preocupar se incomoda os outros por viver assim talvez a insatisfação tornaria-se apenas momentanea...ou até cômica... ehehe

Prefiro dizer que a VERDADE A GENTE ACREDITA!

beijos, coração!

ainda parabolicando ... disse...

muito bem minha divagadora, rs .. na nossa verdade a gente tem que acreditar mesmo ;-) ..

Pedrinho se deixa incomodar às vezes quando é repreendido pelo senso comum .. isso é fato .. e quem não o faz? .. o que o faz humano demais ;-) ...

Malgrado, senso comum huahuahua, que malgrado seja comum a todos que não são comuns uns aos outros, malgrado muitos se assemelhem em atributos generalistas .. tais como, ficam idiotas quando se apaixonam e por libertar a idiotice são felizes .. e por se auto-aceitarem por isso são mais felizes ainda .. sentem-se mais leves, malgrado os chamem de idiotas com conotação pejorativa ...
Pedrinho só quis dizer ao mundo um pedacinho de sua história, doar um pouquinho de sua alma!
Não há um porquê exato de fazer isso .. não há porque haver ...
Mas há quem verdadeiramente acredite que sonhos são banais, porque deixou-se acreditar num tal senso cumum... não há?
Pedrinho vem dizer que sonhos são naturais ...

beijos flor.. carinho!!!

Thiago Quintella disse...

O que criamos é muito de nossa realidadee!!!!

yara disse...

ué! tá re-publicando (rs) alguns textos? essa está fofo... rs, é muito rara essa... doucisse assim.

beijocas